Quando custa viver em Portugal

Lisboa

Olá pessoal! Tudo bem? Hoje vou contar um pouco sobre o custo de vida de Portugal (2016). Meu padrão de referência é a cidade de Braga no norte de Portugal. As cidades de Lisboa e Porto têm custo um pouco mais elevado no quesito moradia, os outros gastos são parecidos. Vamos à lista?

Alimentação em Portugal

Arroz 1 kg: € 0,60

Macarrão 1kg: € 0,49

Feijão 1 kg: € 0,55

Leite 1l: € 0,42

Pãozinho unidade: € 0,10

Pão de forma: € 0,99

Coca-Cola 2l: € 1,59

Picanha kg: € 7,99

Frango: € 1,99

Bacalhau: € 5,99

Lata de Atum: € 0,56

Camarão tamanho 60/80: € 8,00

Vinho português: na média de € 1,99 

Ovos (dúzia): € 1,19

McDonald’s McMenu Big Mac: € 5,50

Os supermercados mais famosos de Portugal são: Pingo Doce, Continente, Lidl, Mini Preço, Froiz e Super Cor (El Corte Inglês). O meu favorito é o Pingo Doce! Os produtos da marca Pingo Doce são incríveis e possuem muita qualidade. Pode comprar tudo de olhos fechados.

Moradia em Portugal

A moradia em Portugal é uma das mais baratas da Europa. O preço médio de um apartamento de dois quartos no norte do país é de € 350,00. Para quem vier morar 6 meses para fazer Erasmus, é possível alugar um quarto por € 150,00 e dividir apartamento com outros estudantes. Na residência universitária o aluguel mensal de um quarto fica em torno de € 90,00 com todas as despesas incluídas (água, luz e gás). Os valores de condomínio normalmente já estão embutidos no preço. Ao alugar um apartamento/casa, as imobiliárias pedem entre 3 e 5 aluguéis adiantados.

Despesas

Os gastos com luz, água e gás para um casal tem uma média mensal de € 100,00. Já planos de internet, TV a cabo e telefonia ficam na média dos € 50,00 mensais. Eu utilizo os serviços na NOS e gosto bastante. As outras opções são: Vodafone e MEO.

Saúde em Portugal

Os brasileiros que trabalharam algum dia com carteira assinada no Brasil, tem direito ao Seguro PB4 (feito ainda no Brasil, no Ministério da Saúde). Com ele, pagamos o mesmo que os portugueses nos Hospitais públicos e Centros de Saúde. Uma emergência tem o custo único de € 20,00. Uma consulta agendada com o médico de família tem o custo de € 5,00.  Aqui o público não é de graça, mas os preços são bem acessíveis e o atendimento é bom.

Links supermercados:

Pingo Doce: https://www.pingodoce.pt/

Continente: http://www.continente.pt/

Lidl: http://www.lidl.pt/

Mini Preço: https://www.minipreco.pt/promocoes/folhetos/

Froiz: http://www.froiz.pt/

El Corte Inglês: https://www.elcorteingles.pt/supermercado/sm2/login/portada.jsp?_requestid=235593

Links Imobiliárias:

Home Finder: http://www.homefinder.imobiliario.com.pt/

House Mouse: http://www.housemouse.pt/

Remax: http://www.remax.pt/

Century 21: http://www.century21.pt/

Era: http://www.era.pt/

Imovirtual: http://www.imovirtual.com

Residência universitária Uminho: https://www.sas.uminho.pt/Default.aspx?tabid=9&pageid=143&lang=pt-PT

Deixe sua dúvida ou sugestão de post nos comentários.

Beijinhos,

Amanda Corrêa

Anúncios

7 igrejas para visitar em Braga, Portugal

A cidade de Braga em Portugal é um dos principais destinos religiosos do país. Além de diversas atrações turísticas, Braga conta com igrejas belíssimas que merecem ser visitadas. Confira a lista que o Blog Livro de Viagens criou com as 7 principais igrejas para visitar em Braga:

1. Sé de Braga

Sé de Braga - Foto Amanda Correa

Sé de Braga – Foto: Amanda Corrêa

A catedral da cidade de Braga tem estilo gótico, românico, manuelino e barroco. A Sé de Braga está localizada bem no centro da cidade. Em frente à igreja é possível comprar excelentes souvenirs com preços ótimos (inclusive rosários de Fátima)! No seu interior estão dois lindos órgãos ainda em funcionamento (foto abaixo).

Sé de Braga 01 - Foto Amanda Correa

Interior da Sé de Braga – Foto: Amanda Corrêa

2. Bom Jesus do Monte

Bom Jesus - Braga - Foto Amanda Correa

Bom Jesus do Monte – Foto: Amanda Corrêa

O Santuário do Bom Jesus do Monte é um dos símbolos da cidade de Braga. As escadarias da igreja passam pelo Escadório dos Cinco Sentidos: visão, audição, olfato, paladar e tato. Além do Escadório das Três Virtudes: Fonte de Fé, Fonte da Esperança e Fonte da Caridade. O interior da igreja possui um teto de tirar o fôlego e uma das imagens mais lindas que já vi de Nossa Senhora de Fátima.

Bom Jesus 02 -Braga - Foto Amanda Correa

Teto do Bom Jesus – Foto: Amanda Corrêa

Bom Jesus 03 - Braga - Foto Amanda Correa.jpg

Interior do Bom Jesus – Foto: Amanda Corrêa

3. Santuário do Sameiro

Sameiro - Foto Amanda Correa

Santuário do Sameiro – Foto: Amanda Corrêa

O Santuário do Sameiro é o lugar mais lindo e mais alto de Braga. O espaço possui uma energia mágica, que acalma até os mais ansiosos. É possível ver toda a cidade de Braga e ter a vista de um pôr-do-sol de tirar o fôlego!

4. Basílica dos Congregados

Congregados - Foto Amanda Correa

Basílica dos Congregados – Foto: Amanda Corrêa

É a igreja com a melhor localização da cidade, na Praça da República. A Basílica dos Congregados é enorme e possui estilo barroco e rococó.

5. Igreja do Carmo

Igreja do Carmo - Foto Amanda Correa

Interior da Igreja do Carmo – Foto: Amanda Corrêa

A Igreja do Carmo é uma surpresa incrível para os olhos, seu interior é lindíssimo. Está localizada na freguesia de São Vicente (na Travessa do Carmo), bem próxima ao Jardim de Santa Bárbara. Aproveite para almoçar na Churrasqueira mais antiga de Braga: a Cabana do Leão (bem do ladinho).

6. Igreja de Santa Cruz

Igreja de Santa Cruz - Foto Amanda Correa.jpg

Igreja de Santa Cruz – Foto: Amanda Corrêa

Considerada o primeiro grande marco do barroco bracarense, o local é conhecido como a igreja dos galos casamenteiros. Quem achar os três galos na sua fachada, reza a lenda, conseguirá casar em breve! Localizada no Largo Carlos Amarante (bem no centro), a igreja também possui um linda talha dourada em seu interior.

Igreja de Santa Cruz 02- Foto Amanda Correa

Igreja de Santa Cruz – Foto: Amanda Corrêa

7. Igreja de Tibães (Mosteiro São Martinho de Tibães)

Igreja de Tibães - Foto Amanda Correa.jpg

Mosteiro de Tibães – Foto: Amanda Corrêa

A igreja mais bonita de Braga na minha opinião! O espaço é simplesmente divino. Localizado a 20 minutos do centro de Braga, o Mosteiro onde viviam os monges possui uma energia arrepiante e emocionante. Assistir uma missa no local é inesquecível. Vale a pena a visita!

Mosteiro de Tibães - Foto Amanda Corrêa

Igreja de Tibães – Foto: Amanda Corrêa

Mosteiro de Tibães 02- Foto Amanda Corrêa

Interior da Igreja de Tibães – Foto: Amanda Corrêa

Confira o site da Diocese de Braga com horários das missas e endereços: http://www.arquidiocese-braga.pt/

Deixe sua sugestão de post nos comentários!

Beijinhos,

Amanda Corrêa

contatolivrodeviagens@gmail.com

7 coisas para fazer em Frankfurt

Frankfurt 09 - Foto Cláudio Abdo

Römerplatz – Foto: Cláudio Abdo

A cidade de Frankfurt, na Alemanha, possui lugares lindíssimos e uma arquitetura que mistura o moderno com as reconstruções dos edifícios que foram bombardeados na Segunda Guerra Mundial. Diversas atrações são gratuitas e é possível fazer quase todos os passeios a pé. Confira algumas dicas do que fazer em Frankfurt:

1) Römer Frankfurt (Prefeitura)

Romer Frankfurt 02 - Foto Amanda Correa

Prefeitura de Frankfurt com a neve caindo em janeiro – Foto: Amanda Corrêa

É a prefeitura da cidade há mais de 600 anos e está localizada na Römerplatz, o principal ponto turístico de Frankfurt. Depois das fotos, é possível sentar, tomar uma cerveja alemã (€ 2,90) e comer uma deliciosa salsicha alemã (Frankfurter Würstchen € 3,50).

2) Catedral de Frankfurt (Dompfarrei St. Bartholomäus)

Frankfurt 08 - Foto Amanda Correa

Catedral de Frankfurt – Foto: Amanda Corrêa

A catedral de Frankfurt fica bem no centro da cidade e é dedicada a São Bartolomeu. A visitação é gratuita a igreja, para o museu a entrada é de € 4.

http://www.dom-frankfurt.de/dompfarrei-st-bartholomaeus/

http://www.dommuseum-frankfurt.de/kontakt.htm

3) Main (Rio Main)

Frankfurt 14 - Foto Amanda Correa

Main Frankfurt- Foto: Amanda Corrêa

Apreciar a vista da cidade por uma das pontes do Rio Main é encantador. É possível avistar o prédio do Banco Central Europeu e ter uma vista incrível de Frankfurt.

4) Eiserner Steg (Ponte de Ferro)

Frankfurt 10 - Foto Amanda Correa

Ponte de Ferro de Frankfurt – Foto: Amanda Corrêa

A ponte de ferro da cidade é conhecida hoje como a ponte dos cadeados de Frankfurt. É uma passarela só para pedestres e é possível ter uma vista linda da cidade.

Frankfurt Foto Amanda Correa

Ponte de ferro de Frankfurt – Foto: Amanda Corrêa

5) Alte Oper (Ópera Antiga)

Opera Frankfurt 07 - Foto Cláudio Abdo

Alte Oper – Foto: Cláudio Abdo

A Ópera Antiga de Frankfurt é lindíssima, foi inaugurada em 1880, mas foi destruída pela guerra em 1944. Foi reconstruída e aberta ao público em 1981. Hoje é um importante local de concertos e óperas da Alemanha. Na frente há uma praça e uma estação de metrô.

https://www.alteoper.de/

6) My Zeil (Shopping)

My Zeil Frankfurt 06 - Foto Cláudio Abdo

My Zeil – Foto: Cláudio Abdo

Localizado na principal rua comercial de Frankfurt, o shopping encanta pela sua arquitetura projetado pelo arquiteto romano Massimiliano Fuksas. Próximo ao shopping, estão a Bolsa de Valores, o Museu de Goethe, lojas importantes como Louis Vuitton (Rua: Goethestraße), Prada, entre outras.

http://myzeil.de/

My Zeil Frankfurt 17 - Foto Amanda Correa

Fachada do Shopping My Zeil – Foto: Amanda Corrêa

7) Frankfurt Goethe Museum (Casa e Museu de Goethe)

Frankfurt 05 - Foto Cláudio Abdo

A casa onde nasceu o escritor alemão Johann Wolfgang von Goethe está aberta para visitação. Goethe morreu aos 82 anos em 1832.

http://www.goethehaus-frankfurt.de/goethe-museum

Em dois dias é possível conhecer esses pontos turísticos e ainda mais, como o Banco Central Europeu, a instalação urbana Bockenheimer Warte, o antigo cemitério judeu, e aproveitar ainda a gastronomia alemã! Curta a cidade de Frankfurt e gute fahrt! #EnjoyYourTrip

Beijos!

Amanda Corrêa

Frankfurt 04 - Foto Cláudio Abdo.jpg

Vista de Frankfurt – Foto: Cláudio Abdo

Conhecendo Frankfurt: o que esperar da bela cidade alemã

Frankfurt 11 - Foto Amanda Corrêa

Frankfurt. Foto: Amanda Corrêa

O centro financeiro da Alemanha, Frankfurt, foi uma deliciosa e encantadora surpresa. Não havíamos planejado a viagem, apenas escolhemos um destino aleatório para passear em janeiro. Saindo da cidade do Porto, em Portugal, são 2h50 de voo. Muitas pessoas foram negativas ao falar da cidade e as recomendações não haviam sido boas, OK, viagem sem expectativa. E ao chegar lá: tapa na cara! Que simpatia dos alemães, que povo querido, educado e receptivo. As pessoas nos paravam na rua para perguntar se queríamos ajuda, ou alguma informação. Ganhamos até carona para o centro, um alemão nato foi super querido e ainda deu uma de guia turístico, contando a história e mostrando os principais pontos turísticos da cidade. Já disse isso aqui e repito, o que mais me encanta em uma cidade são as pessoas. Se as pessoas te tratam bem, você quer voltar. E foi exatamente isso que aconteceu em Frankfurt, pessoas queridas, abertas para conversar e receber bem o turista. Simplesmente encantador.

Frankfurt 13 - Foto Amanda Corrêa

Frankfurt. Foto: Amanda Corrêa

A cidade de Frankfurt

Frankfurt possui 700 mil habitantes e é sede do Banco Central Europeu e da Bolsa de Valores de Frankfurt. É considerada a cidade mais cara da Alemanha e a 10ª cidade mais cara do mundo. Mas calma, isso vale mais por conta da moradia. Para passear, a cidade é bem acessível. O mercado Aldi é um dos mais baratos, nele é possível comprar bolachas, chocolates e cervejas alemãs por preços incríveis! Experimente entrar em um e se surpreender.

Frankfurt 03 - Foto Amanda Corrêa

Frankfurt, sede do Banco Central Europeu. Foto: Cláudio Abdo

A cidade é linda e mistura o antigo e o moderno, com o rio Main guiando o caminho. Durante a Segunda Guerra Mundial, a cidade de Frankfurt era sede do Exército dos Estados Unidos na Alemanha e ficou muito destruída com os bombardeios. Hoje, Frankfurt possui diversos arranha-céus e é um importante centro financeiro da Europa.

A cidade de Anne Frank e Goethe possui cerca de 60 museus e galerias de arte. A metrópole também possui uma gastronomia diversificada e possui diversos restaurantes internacionais.

Frankfurt 16 - Foto Amanda Corrêa

Praça da Alte Oper. Opernplatz. Foto: Amanda Corrêa.

Como chegar

É possível chegar na cidade através do Aeroporto Internacional de Frankfurt ou através do Aeroporto Frankfurt-Hahn, onde as companhias menores e low-cost pousam. O Hahn fica a 125 quilômetros de Frankfurt e a mesma distância de Luxemburgo. O transporte de Hahn até a cidade de Frankfurt é feita de ônibus (€ 15 por pessoa e 1h30 de viagem nas excelentes estradas alemãs), é possível comprar o bilhete na hora.

Frankfurt 15 - Foto Amanda Corrêa

Aeroporto Internacional de Frankfurt. Foto: Amanda Corrêa.

Melhor época do ano

Se você gosta de frio e neve, janeiro é ideal pra você! As temperaturas ficam na casa dos 4 graus e chegam a ficar negativas (pegamos -5º na cidade e -10º no aeroporto de Hahn). Se você gosta de dias ensolarados e mais quentinhos, o ideal é ir no Verão (entre Julho e Setembro).

Frankfurt 01 - Foto Amanda Corrêa

Vista do Banco Central Europeu. Foto: Amanda Corrêa.

O que esperar da cidade

Frankfurt é uma cidade cosmopolita, multicultural, receptiva ao turista e com um povo querido, acolhedor e que ama cachorro! Mesmo no inverno e na neve, eles estão por toda parte. Nos transportes públicos, eles andam livremente no chão, a coisa mais fofa!

Transporte público

O transporte público é integrado na cidade: ônibus, metrô, trem e tudo funciona com pontualidade. Confira os nomes para se localizar: U-Bahn é o metrô da cidade, o S-Bahn é a linha de trem de superfície que vai para pontos mais afastados e o Tram é o bonde elétrico que anda no centro da cidade. Não há catracas no transporte público e dificilmente você vê funcionários trabalhando. Para comprar o ticket, há máquinas espalhadas no metrô, trem, e nos pontos de bus tram. Se você estiver em grupo, há a possibilidade de comprar tickets para usar todos os transportes públicos durante um dia para até 5 pessoas por € 15,80. Vale muito a pena.

Frankfurt - Foto Amanda Corrêa

Tram de Frankfurt em frente ao Zoológico. Foto: Amanda Corrêa.

No próximo post vou te contar os pontos turísticos mais legais de Frankfurt. Siga o Blog e fique ligadinho!

Beijinhos,

Amanda Corrêa

contatolivrodeviagens@gmail.com

Frankfurt 12 - Foto Amanda Corrêa

Vista de uma das pontes da cidade. Foto: Amanda Corrêa.

Como fazer o currículo europeu

find-a-job

Se você está querendo concorrer a uma vaga na Europa, deve prestar atenção nas exigências profissionais no continente. O primeiro passo é preparar um ótimo currículo e nos moldes do modelo europeu. Vamos lá? O modelo de currículo mais usado na Europa é o EuroPass. Com ele, suas informações ficam padronizadas e você pode se destacar na candidatura. O site EuroPass é gratuito e você deve criar o curriculum vitae na própria plataforma.

O bom do site é que ele está disponível em diversas línguas. No canto superior direito do site, escolha a língua que pretende se candidatar. Depois disso vá em “Crie o seu CV online”. O próximo passo é preencher suas informações pessoais e profissionais. Você poderá alterar sempre que quiser. Além disso é possível alterar o cargo pretendido para cada envio, isso conta mais pontos com os recursos humanos das empresas.

O site permite foto e esse é um ponto fundamental do seu currículo. A foto precisa ser recente e profissional. A dica é: faça uma foto especifica para o uso profissional. Ela precisa ter um fundo liso, você precisa estar bem arrumado e com roupas adequadas ao ambiente profissional. Para as mulheres: nada de batom vermelho, maquiagem pesada, brincos extravagantes e cores fortes. Escove os cabelos, de um ar profissional e simpático a foto. Para os homens: nada de foto com bebidas, camisas de time, fotos com filhos e esposas. A foto é sua e é profissional. Nessa hora, as suas paixões devem ficar de lado e você deve seguir os padrões da empresa que quer trabalhar.

O mesmo serve para fotos no Linkedin. A foto pode ser a mesma e ajuda na localização de seu currículo online. O seu perfil no site do Linkedin deve estar sempre atualizado. Sua apresentação deve ser direta, descrevendo quem você é profissionalmente e que cargo ou desafios busca. Se você fala outras línguas, coloque a versão traduzida também.

Outra dica importante é cuidar com o que você posta em suas redes sociais. Muitos profissionais de recursos humanos pesquisam você no Facebook. Então, tenha muito cuidado com fotos com bebidas, posts de discriminação racial, de gênero ou orientação sexual.

Na parte “Experiência profissional” você não precisa colocar todos os trabalhos que teve. Coloque os principais, de maior destaque. Descreva sua função em no máximo cinco linhas, seja coeso.

Em “Educação e Formação” coloque o nome de seu curso, instituição, período e as principais matérias que cursou.

Nas “Competências” não esqueça de colocar espírito de equipe, organização e pontos positivos que você tenha dentro de instituições.

Leia muito para que não tenha nenhum erro de digitação e no final coloque em “Descarregar”. Ele vai salvar a versão em PDF, pronta para ser enviada. O site já salva com o seu nome e data de criação do currículo. Lembre-se sempre de atualizar o cargo pretendido, de acordo com a vaga.

Confira Vagas de emprego na Europa: Emprego no Mundo

Beijinhos e boa sorte!

Amanda Corrêa

Conhecendo a bela Sé do Porto

Sé do Porto. Foto: Amanda Corrêa.

Sé do Porto. Foto: Amanda Corrêa.

Do lado de fora não é possível ter ideia de toda sua magnitude. Com ares de fortaleza, a Sé do Porto esconde sua beleza em seu interior. Localizada no centro histórico do Porto, em Portugal, a Catedral fica entre a estação São Bento e a Ponte Dom Luís I (na parte alta). A Sé tem como nome alternativo Igreja de Nossa Senhora da Assunção e estilo predominante românico, gótico e barroco.

Sé do Porto. Foto: Amanda Corrêa.

Sé do Porto. Foto: Amanda Corrêa.

A sua construção teve início no século XII e hoje também funciona também como museu.

A Sé possui três belos órgãos e a capela do Santíssimo Sacramento com altar em prata e retábulo-mor lindíssimo em talha de ouro.

Sé do Porto. Foto: Gina Voss.

Sé do Porto. Foto: Gina Voss.

Sé do Porto. Foto: Amanda Corrêa.

Sé do Porto. Foto: Amanda Corrêa.

A entrada na igreja é gratuita, e o ingresso ao museu e ao claustro tem o valor de € 3,00.

Curiosidades

-O rei D. Joao I se casou na Sé do Porto com D. Filipa de Lencastre em 1387

-O claustro tem estilo gótico e foi construído no século XVI

Serviço:

O quê: Sé do Porto (Catedral do Porto)

Endereço: Terreiro da Sé, 4050-573 Porto, Portugal.

Horário: das 9h às 12h e das 14h30 às 19h.

Informações: http://www.diocese-porto.pt/index.php?option=com_content&view=article&id=877:igreja-da-se-catedral-do-porto

Sé do Porto – 360 graus

Chega ao fim o horário de Verão europeu

Início do outono em Braga, Portugal. Foto: Cláudio Abdo.

Início do outono em Braga, Portugal. Foto: Cláudio Abdo.

E num piscar de olhos se passou um ano! Um ano morando em Portugal e todas as estações vividas. O Verão passou voando e mesmo amando o inverno, o Verão bracarence me surpreendeu positivamente. Foram dias lindos de calor e clima seco aqui em Braga. Foi perfeito, muito menos quente do que haviam me falado, e era só achar uma sombra que o calor já passava.

Neste final de semana, no dia 25 de outubro, acaba o horário de Verão europeu e com ele se vão os dias mais longos (no auge do Verão, o pôr do sol acontecia às 22h, lindo de ver).

Bye bye european summer!  Parque Nacional da Peneda-Gêres. Foto: Amanda Corrêa.

Bye bye european summer! Parque Nacional da Peneda-Gêres. Foto: Amanda Corrêa.

O horário de Verão na Europa (European Summer Time – EST) tem início sempre no último domingo do mês de março e tem término no último domingo do mês de outubro.

A partir desse final de semana (às 2h da manhã em Portugal) a diferença de horário entre Brasil e Portugal será de apenas 2 horas. E quem mora em Portugal deve atrasar o relógio em 1 hora.

Agora é hora de se preparar para os dias mais curtos e para época de chuvas que chegam junto com o outono. Momento ideal para comprar pijamas quentinhos, ligar os aquecedores e tomar aquele vinho português incrível!

Beijinhos, Amanda Corrêa.

As Termas romanas de Maximinos em Braga

Termas de Maximinos. Foto: Manuel Anastácio.

Termas de Maximinos. Foto: Manuel Anastácio.

A cidade de Braga em Portugal é repleta de ruínas romanas e muita história (como já mostrei nesse post). Braga tem mais de 2.000 anos de história e por toda cidade é possível visitar verdadeiros museus a céu aberto. Antigamente, o município se chamava Bracara Augusta.
As Termas romanas de Maximinos foram descobertas apenas no ano de 1977. Termas romanas são chamados espaços destinados a banhos públicos. Os banhos tinham várias finalidades, como higiene corporal e terapia com água (estilo águas termais).

Termas de Maximinos. Foto: Amanda Corrêa.

Termas de Maximinos. Foto: Amanda Corrêa.

Segundo os pesquisadores, as termas do Alto da Cividade foram construídas nos inícios do século II, juntamente com um teatro anexo, situando-se perto do fórum administrativo de Bracara Augusta. Classificadas como Monumento Nacional, as termas, tal como o teatro, estão localizadas em uma área arqueológica vedada e protegida.

Termas de Maximinos. Foto: Amanda Corrêa.

Termas de Maximinos. Foto: Amanda Corrêa.

Reconhecida a sua importância arqueológica, as escavações prosseguiram até 1980, tendo sido interrompidas e retomadas já nos anos 90. O estudo do monumento foi dado por concluído no final de 1999. Tal como aconteceu com quase todas as termas públicas do mundo romano, o balneário do Alto da Cividade sofreu várias remodelações, tendo pelo menos quatro fases na sua evolução arquitetônica até ao seu abandono entre finais do século IV e início do século V.

Termas de Maximinos. Foto: Amanda Corrêa.

Termas de Maximinos. Foto: Amanda Corrêa.

Serviço:
O quê: Termas romanas de Maximinos (ou Termans romanas do Alto da Cividade).
Onde: Rua Dr. Rocha Peixoto, 4700 Braga, Portugal.
Horário de visitação: terça a sexta das 9h às 13h e das 14h às 18h, sábados e domingos das 10h às 17h. Fechado às segundas e feriados.
Preços: € 1,85 (normal), € 0,95 (portadores de cartão Jovem, aposentados, estudantes e professores, visitantes com mais de 65 anos, portadores de deficiência, famílias com dois filhos, famílias numerosas).
Gratuito: aos domingos até às 14h, crianças até aos 14 anos, investigadores, jornalistas e profissionais de turismo.
Site: http://bit.ly/1PJq8ri

Dicionário português: terceira edição

Braga, Portugal. Foto: Amanda Corrêa.

Braga, Portugal. Foto: Amanda Corrêa.

Olá pessoal! Estou há 11 meses morando em Portugal e ainda aprendo novas linguagens todos os dias. Confesso que várias palavras e expressões já soam normais aos meus ouvidos, mas algumas ainda me surpreendem. Vamos à lista da terceira edição do dicionário português de Portugal do Blog Livro de Viagens?

Toda a gente = todo mundo

Côdea = casquinha do pão

Mil milhões = 1 bilhão

De hoje a 8 = semana que vem

De hoje a 15 = daqui duas semanas

Pra semana = semana que vem

Aplicação = aplicativo (de celular)

Orivesaria = joalheria

Arrendar = alugar

O carro está lixado = o carro está fudido

Horas de ponta = hora de rush

Direção assistida = direção hidráulica

Levantamento = saque no banco

Patrimônio = saldo do banco

Arranjar o carro = arrumar o carro

Trem de aterragem = trem de pouso

Demolhar = dessalgar (o bacalhau por exemplo)

Fato = terno

Utente = usuário

VIH = HIV

SIDA= AIDS

ADN = DNA

NATO = OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte)

Confira a primeira edição e a segunda edição das palavras e expressões portuguesas.

Grande beijinho, Amanda.

Como conseguir desapegar e mudar de país

Gerês, Portugal. Foto: Amanda Corrêa.

Gerês, Portugal. Foto: Amanda Corrêa.

Olá pessoal! Quando comecei o blog, minha ideia era dar dicas de viagens e mostrar os lugares lindos da Europa. Mas tenho percebido, que o que vocês mais querem saber é sobre a mudança de vida. Então vou falar um pouco sobre a experiência e como fazer para desapegar das suas coisas.

Acredito que eu seja um ótimo exemplo de uma pessoa apegada. Eu não gostava de emprestar roupas, bolsas e sapatos para minha mãe e para minha irmã. Eu guardava até embalagem de presente. Eu tinha uma caixa fitas e laços (usados). Eu guardava bijuterias quebradas. Eu guardava apostilas e cadernos do ensino médio. Sim, eu era muito apegada.

Meu marido dizia que eu era uma “junta tralha”, eu tinha um quarto de bagunça na minha casa, e quando recebíamos visita, eu precisava ficar horas guardando tudo. Apesar de ser apegada e gostar de guardar tudo, para “vai que um dia eu precise”, eu sempre fui organizada. Sempre tive uma bagunça organizada.

Braga, Portugal. Foto: Amanda Corrêa.

Braga, Portugal. Foto: Amanda Corrêa.

Quando eu e meu marido resolvemos vender tudo e vir morar em Portugal, a primeira coisa que perguntei a ele foi: “E meus imãs de geladeira?”. Ele começou a rir e disse que eu poderia levar junto. Mas não, eu não trouxe. Eu também não trouxe pulseiras, sapatos de salto alto, vestidos de festa, bolsas, 10 sacos de roupa, e tudo que cabia em um apartamento de dois quartos. A minha nova vida coube em duas malas de 32kg. Uma mudança enorme para quem guardava até a garrafinha de água que sua banda preferida bebeu. Sim, eu tinha garrafinhas e toalhas usadas pelo Nenhum de Nós. Ok? Um pouco demais, eu sei. Meu marido é meio psicólogo e diz que eu sempre me apeguei muito em médicos e bandas por não ter tido pai. Segundo ele, eu idolatro “heróis” ou “pop stars” masculinos, para ter uma ideia de proteção e imagem masculina.

Tudo bem, acho que é isso mesmo. Mas, você deve estar se perguntando como eu vou desapegar daquilo que levei anos para comprar e conquistar? Eu te respondo: O que você vai levar dessa vida?. Eu comecei a me questionar muito, quando um amigo próximo, a pessoa mais do bem que eu conhecia, morreu aos 35 anos. Como de um dia para o outro, você pode não estar mais vivo? Por que a vida é tão injusta?

Simplesmente não existe justiça na vida. Você nunca sabe, nem poderá imaginar até quantos anos vai viver. Vemos crianças morrendo de câncer…  sem terem vivido nada. Aí você se pergunta: Por que eu vou me apegar a coisas materiais? Por que eu vou comprar roupas de marca? Por que eu vou alisar o cabelo? São questões simples e ao mesmo tempo, complexas. Nós, mulheres perdemos muito tempo com feminices e deixamos de lado o que realmente importa.

Quando é hora da mudança de casa, de cidade e país, você repensa tudo que já viveu e tudo que ainda quer viver.

Morar fora te faz crescer e evoluir muito. Hoje, posso afirmar que sou uma pessoa muito menos ansiosa e muito menos apegada. Se eu tiver que mudar amanhã para Alemanha, com apenas uma mala, eu consigo. E isso você só aprende vivendo. Se você tem a oportunidade de morar fora, faça. Mude. Viva. Experimente. Diga Sim. Coma aquilo que você nunca teve coragem, vá de chinelo ao shopping, caminhe 17km como você nunca caminhou antes.  Largue o carro, ande a pé. Visite um país que você não sabe a língua.  Mude, mude sempre, mude todo dia. Você vai se surpreender.

Braga, Portugal. Foto: Amanda Corrêa.

Braga, Portugal. Foto: Amanda Corrêa.